20060606

Os novos abolicionistas do Império

A hora e a vez de Washington, na voz de Condoleezza Rice - Secretária de Estado dos EUA, de relatar a exploração servil humana no mundo, ou seja, a escravidão de seres humanos! Citando o Brasil como país referência em má gestão pública sobre o assunto da escravidão humana. Rice coloca que a prostituição de meninas adolescentes são comum no litroral nordestino brasileiro, que são aliciadas como escravas para o turismo sexual. Outra questão mal resolvida no Brasil, segundo a Casa Branca é a presença de trabalho imigrante ilegal e irregular, sem qualquer tipo de fiscalização ou mesmo ações de combate a escravidão de tais trabalhadores, como é o caso dos bolivianos que atuam na região do Brás em São Paulo, capital. O relatório de Washington ainda ressalva os casos de escravidão em campos agrícolas do interior do Brasil. "Isso é uma vergonha", o Brasil estar no topo da lista entre os países que tem problemas sérios de escravião humana, ainda mais tendo suas mulheres como 'carro chefe' de exploração sexual. Que surja no Império americano uma nova onda abolicionista referência para o mundo dito civilizado! Foto: Luci in Washington DC. Texto by Ton.

Divulgue o seu blog!