20061128

"Bibel in gerechter Sprache"

Mesmo sob críticas de teólogos de todo o mundo, cerca de 20 mil exemplares da edição de lançamento da "Bíblia em uma linguagem mais justa" foram vendidos em apenas duas semanas na Alemanha. Segundo estudiosos dos textos sagrados a nova tradução da Bíblia traz uma versão "politicamente correta". Em entrevista a rede BBC, uma das especialista em tradução bíblica protestante para o alemão, Dra. Elisabeth Reiser, disse que a intenção foi "fazer justiça aos gêneros, tornando visíveis as mulheres que têm apenas uma alusão nas versões tradicionais" e "expurgar" a Bíblia de "afirmações antijudaicas dispersas no texto". Reiser afirmou que "a idéia foi fazer uma Bíblia inteligível para o nosso tempo". Veja estes exemplos, a "Bíblia em linguagem mais justa" muda as palavras iniciais da oração ao "Pai Nosso", de "Pai nosso que estás no céu, santificado seja o Vosso nome" para "Teus filhos e filhas, Deus, que é nossa Mãe e nosso Pai nos Céus, santificado seja o Vosso nome". Segundo a BBC, para os tradutores, utilizar alternativamente a palavra "Deus" como homem ou mulher faz justiça ao caráter assexuado de Deus que é reconhecido na teologia. No entanto, a nova versão busca empregar outros termos como "a Eternidade" e "a Santidade", e "apóstolas" que surgem de forma inesperada no texto. De acordo com o teólogo espanhol Juan José Tamayo, não é correto "que se faça uma tradução sob o ponto de vista de gênero, colocando-se o masculino onde o texto coloca feminino ou que recrie determinadas experiências que não correspondem à experiência do seu tempo". No mais, Tamayo afirma que é "muito importante que as diversas traduções da Bíblia recuperem o papel que as mulheres tiveram e que o destaquem por toda a história de Israel e do cristianismo primitivo" - uma posição em linha com a Teologia da Libertação. O trabalho de tradução dessa nova versão da Bíblia - "Bíblia com linguagem mais justa" envolveu quarenta mulheres e dez homens, detalhe que para os tradutores as figuras de Satanás, do Diabo, do Demônio e do Mal ficaram classificadas no gênero masculino. O importante, segundo as profecias preditas no livro do Apocalipse é que não se acrescente nem um til ou uma vírgula nos textos sagrados, se este conselho foi seguido por tais tradutores, então, a fidelidade da palavra Santa continuará a conquistar milhões de corações, se o contrário estiver expresso em tal versão, com certeza seu sucesso como Boa Nova já é falido aos olhos de Deus, o ser inspirador dos livros contidos na Bíblia Sagrada. Fontes: BBC e http://www.bibel-in-gerechter-sprache.de/. By Ton.

Divulgue o seu blog!