20071221

Luzes do ocidente?

"No repicar dos sinos, à meia-noite, as taças tilintarão borbulhando, como se fossem estrelas cintilando no céu e brindaremos o nascimento de Jesus.Vamos nos dar as mãos e nos abraçar, esquecendo mágoas, tristezas, desilusões, decepções, perdas, derrotas. Abracemo-nos unidos na Verdade, na Paz, na Luz, no Perdão, na Humildade e no Amor e que as nossas Orações nos unam cada vez mais em nome do Amor do Menino Jesus; Que os nossos olhos brilhem ainda mais quando os sinos anunciarem o início da Festa e os nossos sorrisos assumam nossos semblantes, definitivamente; Que as nossas mãos se unam em prece de agradecimento e fé e jamais se desenlacem, e os nossos corações se abram completamente para entregarmos o amor que em nós existe; Que as nossas vozes cantem a música da nossa alma, tocada por harpas de anjos, traduzindo verdadeiras orações; Que a presença de Jesus Menino no seio dos nossos lares seja, por nós, sentida e acreditada durante todos os dias de nossas vidas;Que a Paz e o Amor que tanto pregamos e pedimos a todas as nações, se façam presentes dentro de nós, no seio de nossas famílias, de nossos relacionamentos, de nossos irmãos; Que o Perdão tão ensinado por Jesus seja prática indiscutível entre todos os homens; Que nos conscientizemos de que o melhor remédio para qualquer doença é evitá-la e que, para isso, precisamos antes de tudo nos amar, cuidarmos do nosso corpo, da nossa alma e da nossa mente, não praticando os atos que nos levam, indubitavelmente, à redução da nossa saúde; Que o egoísmo, a prepotência, o sadismo, a arrogância, a negligência, a injúria, a calúnia, a miséria, a maldade, a fome, o frio, a sede, a intransigência, o desequilíbrio, a insanidade, a mentira, a inveja, sejam depositados numa única urna que seja cremada, eliminando definitivamente o mal que fere corações, corpos e almas; Que todos aqueles que amamos e que já fizeram a sua passagem, estejam unidos e em Paz, na Luz e no Amor de Jesus; Que nos unamos em torno da mesa que deverá ser farta do Amor, da Esperança, da Fé, da Humildade e da Sinceridade presentes na manjedoura que recebeu o Menino Deus. E que o Seu Amor seja a marca da humanidade, das nossas vidas, dos nossos relacionamentos, dos nossos lares, das nossas famílias, por toda a Eternidade. Que o Natal nos acorde para a Verdade, a Luz, a Vida e o nascimento do Menino Jesus seja comemorado por todos nós em cada dia de nossas vidas! Que possamos nos abraçar agora e sempre, unidos na Fé e no Amor de Jesus e que o presente seja o caminho certo para o nosso futuro e para a nossa eternidade". Que as luzes cintilantes, os pacotes de presentes, as mesas fartas, que o espírito da festa capitalista do dito "Natal" de fato faça renascer na memória das pessoas do ocidente americanizado a real comemoração da data supra-citada. Muitos são os índices de valores sociais, Papai Noel, renas, árvores, presentes e presentes,.... No mais, a Natividade sequer é respeitada como alguns religiosos o fazem com a festa da Páscoa. No natal se nota em meio as famílias, a presença de bebidas, beberrões e comilões. Em vez de presentes, que tal presentear de fato ao aniversariante de Belém? com uma oração diária pelo seu nascimento, digo DIÁRIA e, não apenas numa data sugerida por capitalistas imperialistas que visam a aquisição de lucro através de vendas comerciais. Texto by Ivone Carvalho e Clayton Fernandes. By Ton.

Divulgue o seu blog!