20080606

Hipocrisia brasileira...

Ao discursar no Planalto, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez críticas aos limites impostos pela lei eleitoral que não permitem a liberação de verbas para obras no segundo semestre em ano de eleições. O presidente chamou as restrições eleitorais de "falso moralismo" e "hipocrisia brasileira" ao comentar que deve perder quase um ano de seu mandato sem novos contratos. Lula relatou sua crítica na seguinte fala; "No começo de julho não poderemos mais assinar contratos porque a eleição nesse país, ao invés de consagrar a democracia, faz quem governa ficar um ano sem governar apesar de ter quatro anos de mandato. Pelo falso moralismo desse país se parte do pressuposto que um presidente ou governador assinar contrato com o prefeito é beneficiar o prefeito. É o lado podre da hipocrisia brasileira, em que você para um determinado tempo porque causa suspeição", conclui o presidente. Fonte: Folha On Line. Foto: Folha Imagem by Sérgio Lima. By Ton.

Divulgue o seu blog!