20081002

O Brasil e o mundo ocidental capitalista!

As companhias e empresas do Brasil, principalmente as exportadoras, vêm sentindo as conseqüências da escassez de crédito no mercado bancário internacional. O fato preocupa o governo, já que metade das exportações brasileiras - o equivalente a US$ 100 bilhões - é financiada por bancos no exterior. Em agosto, o volume de crédito para exportação revelou-se 32% menor do observado em abril do ano passado, antes da crise mundial do sistema financeiro.
É cedo para mensurar o impacto da crise no crescimento econômico, mas há estimativas de desaquecimento para 2009. A pesquisa semanal do Banco Central do Brasil com analistas revela que a expectativa de crescimento é de 3,5% para o próximo ano. Há cinco meses, essa mesma previsão era de 4%. O governo também já admite uma freada no PIB, prevendo algo em torno de 3% e 3,5%. Ao preparar o orçamento de 2009, em agosto, o governo havia previsto um PIB 4,5% maior.
O governo norte americano aprovou - via senado - um plano emergencial de US$ 850 Bilhões, denominado pacote de resagte de Wall Street. O índice de depósitos garantidos pelo governo aos correntistas bancários passou de 100 mil dólares para 250 mil dólares, valores não corrigidos desde a implantação do sistema capitalista de ações, pós segunda guerra mundial. By Ton.

Divulgue o seu blog!