20090731

REDD deve movimentar a economia da floresta!

Segundo The Economist o Brasil deve preservar a Amazônia com uma nova política de ação com projetos sustentáveis remunerados, tanto para a floresta como para os seus moradores. De acordo com a revista inglesa, a melhor maneira de evitar o desmatamento de florestas tropicais envolve uma mistura de duas ideias: o estabelecimento claro dos direitos de propriedade sobre a terra e um incentivo econômico para que esses proprietários não cortem as árvores.
Para a revista a política de recompensar a preservação deve funcionar no Brasil, pois "o país possui 60% da maior floresta tropical do mundo. No entanto o Brasil tem motivos poderosos para preservar a Amazônia”, comenta a revista. O Brasil, pelo menos, tem leis que restringem o desmatamento, além de um sofisticado sistema de monitoramento, mas “o problema é implementar a lei numa vasta área, onde muitos dos moradores não gostam das regras”.
A The Economist reconhece que para salvar a floresta a implementação de ‘redução de emissões por desmatamento e degradação’ (REDD, na sigla em inglês) é uma excelente saída para os moradores locais, para o governo brasileiro, para instituições de pesquisas, como também para "os países ricos que já desmataram suas florestas, enquanto se desenvolviam. Parece justo que tais países agora paguem parte deste custo”, conclui matéria da revista inglesa. Fonte: The Economist. By Clayton Fernandes.

Divulgue o seu blog!