20110921

Dilma Rousseff, a voz da democracia na 66ª Assembleia da ONU

A presidenta do Brasil, Dilma Rousseff, abriu a 66ª Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova York. Ela foi a primeira mulher a fazer o discurso de abertura do evento, que, por tradição, pertence ao chefe de Estado brasileiro.

No seu pronunciamento na ONU a presidente brasileira se colocou como a representante da "voz da democracia".
“Pela primeira vez uma voz feminina inaugura o debate das Nações Unidas. É a voz da democracia e da igualdade se ampliando neste tribunal, que tem o objetivo de ser o mais importante do mundo”, afirmou Dilma.

Ela também cumprimentou o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, “pela prioridade que tem conferido às mulheres”; comentou sobre a crise econômica mundial e defendeu que todos os países têm direito de participar das soluções.

Para a presidenta “é preciso combater as causas e não apenas as consequências da instabilidade” da crise.
By Ton

Divulgue o seu blog!